Presidente do PL, Valdemar Ă© preso em flagrante durante operação da PolĂ­cia Federal

Por A Voz da Região em 08/02/2024 às 11:38:36

O presidente do PL, Valdemar da Costa Neto, foi preso em flagrante por porte ilegal de arma durante a Operação Tempus Veritatis, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (8).

A voz de prisão foi dada durante a busca e apreensão em sua casa, no Ăąmbito da investigação que apura a tentativa de golpe de Estado e abolição do Estado DemocrĂĄtico de Direito.


De acordo com a PF, estão sendo cumpridos 30 mandados de busca e apreensão, quatro mandados de prisão preventiva e 48 medidas cautelares diversas da prisão, que incluem a proibição de manter contato com os demais investigados, proibição de se ausentarem do país, com entrega dos passaportes e suspensão do exercício de funções públicas.


PASSAPORTE

A Procuradoria-Geral da República (PGR) recomendou a rejeição do pedido para que o passaporte de Valdemar Costa Neto fosse apreendido, bem como a vedação de contato com outros investigados.


O pedido de rejeição consta no aditamento enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) no último dia 6 de fevereiro. No entanto, na decisão que deflagrou a operação, o ministro Alexandre de Moraes manteve o pedido original da Polícia Federal, contrariando a solicitação da PGR.


Comunicar erro
outlet

ComentĂĄrios